aprenda com

Marisa Britto Cunha

60
 anos
RJ, Campo Grande

“Entregar as mantas nos asilos mexe muito comigo.”

Auxiliar de enfermagem aposentada, Marisa aprendeu crochê ainda adolescente, olhando uma das freguesas da mãe, que era manicure. Agora que tem mais tempo, assiste vídeos no Youtube para aprender tudo o que tem vontade de fazer. Faz capas de almofadas, blusas, cachepôs e mantas. Estas últimas ela confecciona e entrega em asilos do Rio de Janeiro, pelo Coletivo Solidário RJ.

Moradora de Campo Grande a vida toda, ela não perde os encontros do coletivo. Na última entrega das mantas, “até arrumei dois namorados”, conta ela, explicando que dois senhores do asilo a elogiaram e até ofereceram presentes.

Vaidosa, dona Marisa mora com o filho do meio e já fez até faculdade de estética, mas não chegou a exercer. O que ela gosta mesmo é de crochê e de esportes. Inclusive quer participar de mais caminhadas e corridas coletivas pela cidade. Quer compartilhar seu trabalho e ideias com o crochê e, em troca, gostaria de aprender marcenaria, jardinagem e também fotografia. Vai arrumar ainda mais namorados, Dona Marisa.

Aprenda com 

Marisa Britto Cunha

Artesanato
Costura
Crochê
Culinária
Bordado
Jardinagem
Tricô
Ponto Cruz
Pintura
Patchwork
Reciclagem
Bijuterias
Todos os campos são obrigatórios.

Cadastro enviado com sucesso!

Nossa equipe irá analisar o seu perfil e, em breve, ele estará no nosso site.

Voltar para a home
  Ocorreu um erro ao enviar o formulário. Confira os campos e tente novamente.
narrativa + circuito eletrônico + estampa + carimbo + costura +  fabricação digital + design + marcenaria + bordado + conteúdos digitais + memórias + afetos 💜
Conheça o 60+